Créditos: Divulgação
Macarrão nega ter matado Eliza Samúdio
Condenado pela Justiça como um dos responsáveis pelo desaparecimento e assassinato de Eliza Samúdio, ex do goleiro Brunodo FlamengoLuiz Henrique Ferreira Romão, de 32 anos, conhecido pelo apelido de Macarrão, afirmou, em entrevista à revista Época, que não matou a modelo.
Tentando refazer a vida, depois de conseguir o benefício de cumprir a pena em liberdade por bom comportamento, Macarrão declarou: “Eu não matei [Eliza Samudio]. Eu levei para matar”.